Tênis

Com virada heroica, Nadal conquista Aberto da Austrália e vira recordista no Grand Slam

Com os 3 sets a 2, parciais de 2/6, 6/7 (5-7), 6/4, 6/4 e 7/5, em 5h25 de batalha, o canhoto de Mallorca, de 35 anos, faturou o segundo troféu em Melbourne e o 21º dos mais importantes da ATP

Gazeta
Gazeta Esportiva
Com virada heroica, Nadal conquista Aberto da Austrália e vira recordista no Grand Slam
(Foto: REUTERS/Asanka Brendon Ratnayake)

30 de janeiro de 2022 - 13:40 - Atualizado em 30 de janeiro de 2022 - 13:40

O espanhol Rafael Nadal buscou uma virada heroica contra o russo Daniil Medvedev para conquistar, neste domingo (30) em Melbourne, o título do Aberto da Austrália. Ele se torna, assim, o maior vencedor de Grand Slam.

Com os 3 sets a 2, parciais de 2/6, 6/7 (5-7), 6/4, 6/4 e 7/5, em 5h25 de batalha, o canhoto de Mallorca, de 35 anos, faturou o segundo troféu em Melbourne e o 21º dos mais importantes da ATP.

Nadal supera seus dois maiores rivais, o suíço Roger Federer e o sérvio Novak Djokovic, cada um com 20 títulos de Grand Slam (Aberto da Austrália, Roland Garros, Wimbledon e Aberto dos Estados Unidos). O espanhol alcança, també o 90º da carreira.

O russo começou melhor o jogo decisivo, vencendo os dois primeiros sets. Nadal elevou o nível de jogo e de seu saque no terceiro set. O duelo seguiu equilibrado, mas com vantagem para o espanhol nos momentos mais importantes.