Tecnologia

Twitter expande recurso que permite aos usuários sinalizar tuítes enganosos

Durante o período de testes, o Twitter disse que recebeu cerca de 3 milhões de denúncias de tuítes que violavam as políticas do app

Reuters
Reuters
Twitter expande recurso que permite aos usuários sinalizar tuítes enganosos
Twitter expande recurso que permite aos usuários sinalizar tuítes enganosos

17 de janeiro de 2022 - 15:08 - Atualizado em 17 de janeiro de 2022 - 15:36

(Reuters) – O Twitter informou nesta segunda-feira (17) que expandirá seu recurso de teste que permite aos usuários sinalizar conteúdo enganoso em sua plataforma de mídia social para o Brasil, Espanha e Filipinas. A empresa havia apresentado o teste piloto do recurso em agosto do ano passado, como parte de seu esforço para reduzir a desinformação em sua plataforma.

O recurso foi testado pela primeira vez nos Estados Unidos, Austrália e Coreia do Sul. Desde que foi anunciado pela primeira vez, o Twitter disse que recebeu cerca de 3 milhões de denúncias de usuários que o usaram para sinalizar tuítes que eles acreditam violar suas políticas.

A gigante da mídia social lançou no ano passado outro programa chamado Birdwatch, que permite que os participantes escrevam notas e forneçam contexto adicional a tuítes enganosos, embora essas notas sejam mantidas em um site separado.

Por Manya Saini