Tecnologia

Procon-PR notifica Instagram por vulnerabilidade na proteção de dados de usuários

Procon já recebeu 197 reclamações, nos últimos 12 meses, de usuários que tiveram suas contas hackeads; plataforma social poderá ser multada em mais de 10 milhões de reais se não corrigir violações de dados e privacidade

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais com informações da Secretaria de Justiça do Paraná
Procon-PR notifica Instagram por vulnerabilidade na proteção de dados de usuários
(Foto: Pixabay)

17 de dezembro de 2021 - 20:03 - Atualizado em 17 de dezembro de 2021 - 20:45

O Procon Paraná está notificando o Facebook, empresa detentora da redes social Instagram, para que melhore a proteção de dados dos usuários. O órgão recebeu, nos últimos 12 meses, 197 reclamações de usuários que tiveram os dados da rede social hackeados e que foram vítimas de golpes por conta disto.

A determinação para a notificação veio do secretário de Justiça, Família e Trabalho, Ney Leprevost, nesta sexta-feira (17). Ele explicou que os hackers têm usado os dados roubados dos usuários do Instagram para pedir transferências de dinheiro aos contatos do usuário. Os golpes tem gerado muitos prejuízos financeiros.

De acordo com o secretário de Justiça, “na medida em que a plataforma deixa de tomar as precauções necessárias para impedir a utilização dos dados dos usuários por terceiros, apresenta vulnerabilidades que resultam na apropriação indevida de dados, causando toda sorte de transtornos”, disse Leprevost.

Conforme o Procon, caso o Facebook não tome providências urgentes, a empresa poderá ser multada em valores que chegam a ultrapassar R$ 10 milhões.

Claudia Silvano, Chefe do Procon Paraná, orienta que os consumidores fiquem atentos e utilizem os canais de atendimento do órgão, disponíveis neste link.