Serviços

Câmara Municipal de Curitiba aprova inclusão do símbolo do autismo nas vagas especiais

A proposta obteve 35 votos no primeiro turno; a votação em segundo turno está prevista para a próxima segunda-feira (22)

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais
Câmara Municipal de Curitiba aprova inclusão do símbolo do autismo nas vagas especiais
Foto: Reprodução/Prefeitura Municipal de Jundiaí

17 de fevereiro de 2021 - 17:30 - Atualizado em 17 de fevereiro de 2021 - 17:34

Os vereadores de Curitiba aprovaram em primeiro turno, nesta quarta-feira (17), o projeto de lei que pretende explicitar a garantia de acesso dos portadores do Transtorno do Espectro Autista (TEA) às vagas de estacionamento, embarque e desembarque reservadas à pessoa com deficiência (PcD). 

A proposta, do vereador Mauro Bobato (Pode), foi acatada de forma unânime e obteve 35 votos. 

Se o projeto passar pelo segundo turno, previsto para a próxima segunda-feira (22), e for sancionado pelo prefeito Rafael Greca, a fita colorida, símbolo internacional do TEA, será incluída na sinalização das vagas especiais em 180 dias, após a publicação no Diário Oficial do Município. 

Conforme Botato, uma reportagem motivou, em 2018, o protocolo do projeto. Na época, uma matéria mostrou a mãe de uma criança autista hostilizada por estacionar em uma vaga reservada à pessoa com deficiência. “Talvez a lei seja redundante, mas vai colocar mais em evidência uma pauta que eu acredito que tenha que ser debatida”, avalia o autor. O vereador lembra que as pessoas com TEA não têm traços físicos, e sim características comportamentais, como dificuldade na interação social.

O vereador Márcio Barros (PSD), que é autor da proposta em tramitação na CMC para a inclusão da fita colorida, símbolo do TEA, na entrada dos “banheiros família” dos shoppings, também defende o projeto de lei, mas lembra que explicar para a comunidade a importância dessa inclusão é tão necessário quanto iniciar a comunicação visual. 

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.