Violência contra criança

Caso Mirella: bebê de 1 ano morre com sinais de estupro e agressões

Mãe e o padrasto da criança são os suspeitos do crime

Eduardo
Eduardo Igor / Produtor com informações da Record TV
Caso Mirella: bebê de 1 ano morre com sinais de estupro e agressões
Foto: Reprodução/Portal 24h

18 de fevereiro de 2022 - 10:11 - Atualizado em 18 de fevereiro de 2022 - 11:36

Mirella Fernanda, de apenas um ano, morreu após dar entrada no hospital com sinais de agressão e estupro, em Penápolis, no interior de São Paulo.

O caso aconteceu a tarde de segunda-feira (14), mas está sendo elucidado ao longo da semana. Segundo o boletim de ocorrência da PM, a bebê já chegou ao hospital com rigidez cadavérica, o que indica que ela não teria sido morta na mesma noite.

A mãe e o padrasto da criança são os principais suspeitos Eles alegaram que colocaram a bebê para dormir e só perceberam que ela morreu no dia seguinte.

Segundo a Record TV, a Polícia Civil abriu um inquérito para investigar o caso e ainda aguarda o laudo pericial. Mesmo com os indícios, o delegado do caso informou que precisa do resultado do laudo para pedir a prisão do casal.

Registrou um flagrante? Mande pro WhatsApp do RIC Mais clicando aqui e faça o portal com a gente!