Segurança

Três toneladas de palmito são apreendidas em fábrica clandestina em Guaraqueçaba

Também foram encontrados produtos químicos, duas espingardas sem documentação e pássaros silvestres

Isadora
Isadora Deip / Estagiária com informações da Agência Estadual de Notícias e supervisão de Giselle Ulbrich
Três toneladas de palmito são apreendidas em fábrica clandestina em Guaraqueçaba
(Foto: Divulgação/PMPR)

20 de maio de 2022 - 19:08 - Atualizado em 20 de maio de 2022 - 19:08

O Batalhão Ambiental da Polícia Militar apreendeu, nesta sexta-feira (20), três toneladas de Jussara Euterpe edulis, uma espécie em extinção de palmito. A carga foi encontrada em uma empresa de extração ilegal e envase de palmito no município de Guaraqueçaba, no litoral paranaense.

Os policiais conseguiram identificar e abordar dois homens dentro da fabriqueta. Os envolvidos foram presos e encaminhados para a delegacia para os procedimentos legais. Um deles estava com mandado de prisão em aberto por roubo agravado.

Foram apreendidos, ainda, produtos químicos usados na fabricação de conserva sem os critérios de higiene necessários para a preparação, duas espingardas calibre .32 sem documentação necessária e sete pássaros silvestres.

Todo o material foi levado para a sede do Batalhão de Policia Ambiental – Força Verde, em São Jose dos Pinhais. Os autos de infração chegam a R$ 1 milhão.

O Instituto Água e Terra (IAT) vai dar sequência aos procedimentos administrativos.

Registrou um flagrante? Mande pro WhatsApp do RIC Mais clicando aqui e faça o portal com a gente!