Segurança

Suspeito de planejar crime no Litoral é encontrado morto; polícia faz operação

Operação conjunta da Polícia Militar com a Polícia Civil resultou em quatro prisões nesta manhã no litoral

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais com informações do Portal E+ Notícias
Suspeito de planejar crime no Litoral é encontrado morto; polícia faz operação
(Foto: Reprodução/ Redes Sociais)

8 de dezembro de 2021 - 11:37 - Atualizado em 8 de dezembro de 2021 - 13:19

O principal suspeito de planejar o crime que ocorreu trapiche, no bairro Beira Rio, em Paranaguá, que resultou em um adolescente morto e outro gravemente ferido, foi encontrado morto no último domingo (5). O corpo de Fagner Martins Grassmann, conhecido como “Escuro”, foi localizado por policiais da 3ª Delegacia de Polícia de Joinville e identificado pelo Instituto Médico Legal nesta terça-feira (7).

De acordo com o delegado Nilson Diniz, da Polícia Civil do Paraná (PCPR), Fagner pode ser o responsável por planejar o crime do dia 29 de novembro, no Beira Rio, quando três jovens foram baleados. Na ocasião, as vítimas foram atingidas por um atirador que passou em uma embarcação. Um dos meninos não resistiu e outro foi internado em estado grave.

“Não era um dos autores dos tiros, poderia ter encomendado essa ação criminosa. Teria sido, porque ainda estamos coletando elementos com a Polícia Civil de Santa Catarina. Mas sabemos que este indivíduo morto, já ostentava mandado de prisão por homicídio tentado. Nós já realizamos prisões deste indivíduo anteriormente. Há indícios que hoje ele integrava organização criminosa e teria comandado esse homicídio no Beira Rio”,

contou o delegado Nilson Diniz, que ainda reforçou que possivelmente Fagner queria assumir o tráfico na região.

De acordo com o Portal E+ Notícias, o corpo de Fagner foi encontrado no bairro Parque Industrial Paranaguamirim, na Zona Sul de Joinville (SC). O indivíduo estava em uma área de mata e com o corpo coberto de lama. Após a remoção, o homem foi encaminhado ao IML para identificação. 

Operação no litoral

Na manhã desta quarta-feira (8), a PCPR em ação conjunta com a Polícia Militar (PM), realizou uma operação em Paranaguá e Guaraqueçaba. O objetivo é garantir a segurança da sociedade e controlar a onda de crimes que atinge o litoral nos últimos dias. Na noite desta terça, a cidade de Paranaguá registrou o 81º homicídio do ano.

policia-operacao-litoral
(Foto: Divulgação/ PCPR)

Durante a operação, quatro pessoas foram presas, sendo que uma delas possui envolvimento no crime do trapiche, no bairro Beira Rio. O homem preso seria o alvo dos atiradores, porém, conseguiu escapar e os tiros acertaram os adolescentes.

“Esse indivíduo foi preso em Guaraqueçaba, foi apreendida uma arma de fogo também. Esse indivíduo estava no trapiche também e era a vítima visada. Ele confirmou que estava lá e que os disparos eram para atingi-lo […] A grande maioria dos homicídios no litoral se interligam, disputas de grupos”,

contou o major Stocco, da PM.

O delegado Diniz também reforçou que o foco da operação é repreender crimes violentos que estão sendo registrados no litoral. 

“Vamos continuar nessa mesma batida, pois nosso foco principal é a comunidade”, comentou o Major Stocco.