Notícias

Lava Jato: ex-diretor do DER-PR tem prisão preventiva decretada

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

3 de março de 2018 - 00:00 - Atualizado em 3 de março de 2018 - 00:00

Reajuste na tarifa do pedágio vale para 24 praças no Paraná (Foto: AEN)

Investigação faz parte da 48º fase da Operação Lava Jato

Nelson Leal Junior, ex-diretor do Departamento de Estradas de Rodagem no Paraná (DER-PR) teve a prisão temporária convertida para preventiva pela juíza substituta Gabriela Hardt.

Além do ex-diretor, as prisões também foram convertidas para Oscar Alberto Gayer da Silva, Wellington de Melo Volpato, Hélio Ogama e Leonardo Guerra. Apenas a prisão de Sandro Antônio de Lima foi revogada.

A investigação faz parte da 48º fase da Operação Lava Jato e foi batizada de Integração, por apurar fraude em concessões de rodovias federais no Paraná.

Operação

A Polícia Federal (PF) deflagrou no dia 22 de fevereiro a 48ª fase da Operação Lava Jato, chamada de Operação Integração – em alusão ao Anel de Integração, trecho administrado por concessionárias de pedágio. De cordo com o Ministério Público Federal (MPF), empresas que administram rodovias no Paraná foram favorecidas para realizar o aumento da tarifa mesmo após estudos técnicos apontarem a possibilidade de redução.

Leia mais: