Segurança

Nota fiscal de Castanha do Pará levanta suspeita e 600 kg de maconha são apreendidos no PR; entenda

Notas fiscais de uma castanha que não é produzida no Estado levantaram a suspeita

Mayara
Mayara Zeviani / Estagiária
Nota fiscal de Castanha do Pará levanta suspeita e 600 kg de maconha são apreendidos no PR; entenda
As drogas foram apreendidas em meio a cargas com notas fiscais de ervas e castanhas | Foto: Receita Federal

10 de fevereiro de 2022 - 11:20 - Atualizado em 10 de fevereiro de 2022 - 11:20

Equipes da Receita Federal de Cascavel e Maringá apreenderam 600 kg de maconha que estavam sendo enviados para São Paulo e Fortaleza. A droga estava sendo transportada amparadas por notas fiscais de castanhas e ervas em dois caminhões.

A ação ocorreu após a fiscalização de um caminhão no Posto Rodoviário Policial de Cascavel nesta semana. As suspeitas começaram após o motorista apresentar a nota fiscal emitida para o transporte de castanhas do Pará para o Ceará.

Os policiais estranharam o fato que o Paraná não é produtor da semente e iniciaram a revista, localizando cerca de 400 kg de maconha entre a mercadoria.

Após as investigações, a equipe verificou que outra carga do mesmo remetente havia sido enviada de Maringá. O caminhão foi localizado e abordado. Na carroceria, os policiais encontraram cerca de 200 kg de maconha misturadas a outras cargas ilícitas.

A droga foi apreendida e encaminhada ao Depósito da Receita Federal de Maringá. A Polícia Civil deve investigar o caso em busca dos responsáveis.