Segurança

MPPR oferece denúncia contra homens que passaram a mão e derrubaram ciclista, em Palmas

Os rapazes que ocupavam o carro, passageiro e motorista, vão responder por dois crimes; importunação sexual e lesão corporal qualificada

Aline
Aline Cristina / Repórter
MPPR oferece denúncia contra homens que passaram a mão e derrubaram ciclista, em Palmas
(Imagem: Reprodução)

15 de outubro de 2021 - 13:59 - Atualizado em 15 de outubro de 2021 - 14:29

O Ministério Público do Paraná ofereceu denúncia contra os dois abusadores de Palmas, no Sudoeste do Estado, que passaram a mão nas nádegas e derrubaram a estudante de direito Andressa Lustosa, que andava de bicicleta. O caso tomou repercussão nacional.

Os rapazes que ocupavam o carro, passageiro e motorista, vão responder por dois crimes: importunação sexual que tem pena prevista de um a cinco anos e lesão corporal qualificada que prevê a pena de um a quatro anos de prisão.

Os promotores do Ministério Público relataram que não vão se pronunciar ainda, porque o caso corre em segredo de justiça. A estudante Andressa comentou sobre a denúncia e a conscientização que o caso dela gerou por conta da repercussão.

“Desde o começo a justiça está sendo feita, e quero também falar também falar sobre um ponto importante. a informação que estou passando para as mulheres está dando resultado. Eu vi que no último final de semana, as mulheres denunciaram muitos casos que aconteceram, que antes os  abusos aconteciam e a sociedade não via. As mulheres não denunciam por medo, então elas viram que a gente fazendo a denúncia, com certeza a justiça vai ser feita e esses crimes vão acabar diminuindo, pois os abusadores vão ficar com medo. Eu fiquei feliz pela força que estou passando para elas e ela passando para mim.”

Andressa Lustosa – estudante de direito

Sobre o caso

A mulher estava pedalando, quando um veículo se aproximou e um dos ocupantes passou a mão em sua bunda. A estudante perdeu o controle da bicicleta e caiu no chão. Um dos pneus do automóvel, quase atingiu a jovem.

Leia Mais: “Não temos um minuto de paz”, lamenta estudante assediada enquanto pedalava; vídeo

Pessoas que estavam próximas auxiliaram a mulher, que foi socorrida com ferimentos nos braços e pernas.

Andressa, registrou um Boletim de Ocorrência e vai para a cidade vizinha, Pato Branco, onde irá passar por exame de corpo delito. Segundo a jovem, a intenção da divulgação do vídeo foi para auxiliar a identificar o veículo, mas as imagens viralizaram.

Leia Mais: Ciclista importunada sexualmente por homem de dentro do carro tem bicicleta furtada