Segurança

Militar morre baleado dentro do 33° Batalhão de Infantaria Mecanizado, em Cascavel

Homem foi atingido por um disparo no peito

Aline
Aline Cristina / Repórter
Militar morre baleado dentro do 33° Batalhão de Infantaria Mecanizado, em Cascavel
(Foto: reprodução)

10 de julho de 2021 - 12:18 - Atualizado em 10 de julho de 2021 - 14:23

Um militar morreu no fim da manhã deste sábado (10), dentro do 33° Batalhão de Infantaria Mecanizado, em Cascavel, no Oeste do Estado.

As primeiras informações são que um treinamento estava acontecendo dentro do quartel, quando houve o disparo.

Não há informações se o tiro foi acidental. Socorristas e médico do Siate foram acionados para atender o militar, mas ele não resistiu aos ferimentos e morreu.

A vítima fatal foi identificada como Leonardo Ramos, ele havia subido este ano para a patente de cabo. O militar foi atingido por um tiro de pistola na região do peito.

A Polícia do Exército está no batalhão e apura as causas. O responsável pelo tiro também deve ser identificado pelos militares.

O Instituto Médico Legal foi acionado para recolher o corpo.

A assessoria de imprensa do Exército Brasileiro de Cascavel confirmou o caso e informou que o Comandante da Organização Militar está tomando as providências decorrentes. Leia a nota enviada ao RIC Mais na íntegra:

O Comando da 15ª Brigada de Infantaria Mecanizada informa com pesar que, na manhã de hoje, por volta das 11h, dentro das instalações do 33º Batalhão de Infantaria Mecanizado, Cascavel/PR, ocorreu um disparo com arma de fogo que levou a óbito um militar daquela Organização Militar.

Informo, ainda, que todas as medidas legais e administravas já estão em andamento para a apuração e elucidação deste fato lamentável. De igual forma, será dado todo o suporte psicológico e espiritual às famílias dos envolvidos neste episódio.