Segurança

Mãe mata filho de 8 anos estrangulado durante surto por causa da guerra na Ucrânia

Em depoimento á polícia, ela disse que queria matá-lo porque “não queria ver ele sofrer”

Eduardo
Eduardo Igor / Produtor Jr com informações do jornal Metrópoles
Mãe mata filho de 8 anos estrangulado durante surto por causa da guerra na Ucrânia
Foto: Reprodução/Heavy

7 de abril de 2022 - 12:54 - Atualizado em 7 de abril de 2022 - 12:55

Uma mulher russa acusada de matar o filho de oito anos será julgada nesta quinta-feira (07) após ter um surto paranoico por causa da guerra da Ucrânia.

De acordo com a polícia, durante a raiva, ela alegava que a criança não teria como se defender no país se caso fosse levado para lá e dizia que ia matá-lo porque “não queria ver ele sofrer”.

Apesar da nacionalidade, Natalia Hitchcock, de 41 anos, morava com os filhos na cidade de Wisconsin, nos Estados Unidos.

Ainda segundo as investigações, Natalia começou a ficar fora de si após acompanhar o massacre causado pela Rússia. Ela quase matou o outro filho de 11 anos afogado no banho no mesmo dia da morte de Oliver, de oito anos.

“Não sei o que aconteceu”, disse ela, de acordo com o jornal local TMJ4. A mulher está detida sob fiança de mais de 4 milhões de reais e será julgada ainda nesta quinta-feira (07).

As informações são do jornal Metrópoles.