Segurança

Mãe de preso tenta enviar cocaína líquida em frasco de xarope para dentro da cadeia

O vidro de cocaína líquida havia sido enviado via Correios, mas foi interceptado pelos policiais penais

Renan
Renan Vallim / Repórter
Mãe de preso tenta enviar cocaína líquida em frasco de xarope para dentro da cadeia
Teste com reagente foi realizado pela Polícia Científica | Foto: DEPPEN

15 de abril de 2022 - 09:36 - Atualizado em 15 de abril de 2022 - 09:36

Policiais penais da Cadeia Pública de Paranavaí apreenderam um vidro de cocaína líquida que havia sido enviado, via Correios, para um detento da unidade. O líquido entorpecente estava em um frasco de xarope para tosse, enviado pela mãe do preso.

A apreensão aconteceu nesta quinta-feira (14). Após realizarem a revista de rotina em uma encomenda enviada pelo Sedex a um preso, os policiais suspeitaram do conteúdo de um xarope. O frasco de 120 ml foi repassado à Polícia Científica, que realizou teste com reagente e constatou a presença da droga no frasco.

Para o Coordenador Regional do Departamento de Polícia Penal (DEPPEN) em Maringá, Luciano Brito, esta foi uma modalidade nova de tentar introduzir drogas dentro da cadeia. “Nossos agentes e policiais penais estão de parabéns pela atenção às diversas maneiras que os criminosos utilizam para camuflar os entorpecentes”, disse.

Além de ter a credencial de visitas suspensa, o preso responderá processo administrativo disciplinar. Ele e a mãe serão autuados criminalmente na Delegacia de Polícia de Paranavaí.

Registrou um flagrante? Mande pro WhatsApp do RIC Mais clicando aqui e faça o portal com a gente!