Segurança

Jantar em família é interrompido por assalto e termina com policial e criança de 4 anos baleados

O pai da criança, um policial militar, acabou reagindo ao roubo e atirou contra o criminoso, que ainda realizou uma série de crimes durante a fuga

Julia
Julia Cappeletto / Estagiária com supervisão de Caroline Berticelli
Jantar em família é interrompido por assalto e termina com policial e criança de 4 anos baleados
(Foto: Ilustração)

4 de novembro de 2021 - 16:30 - Atualizado em 4 de novembro de 2021 - 16:30

Duas pessoas foram baleadas durante um assalto na noite de quarta-feira (4), durante um jantar em família em uma residência, em Guaíra, no oeste do Paraná. Uma das vítimas é uma criança de 4 anos.

De acordo com o relatório da Polícia Militar, um homem de 60 anos e sua esposa, de 64 anos, estavam jantando, na mesa da cozinha, quando um homem teria invadido a casa e anunciado um assalto. Na residência também estavam o filho do casal, um policial militar de 30 anos, a nora do casal e a neta deles, de 4 anos.

Com o anúncio do assalto, o policial militar teria reagido e atirado contra o criminoso, que estava na janela da cozinha. Diante da reação, o assaltante efetuou três disparos contra a família, sendo que um atingiu a parede de alvenaria, outro o braço esquerdo do policial e um fragmento de projétil acabou atingindo a criança de 4 anos.

As vítimas foram até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) com o próprio veículo. Todos foram atendidos e ninguém corre risco de morte.

Conforme testemunhas, dois criminosos estavam envolvidos na tentativa de assalto, sendo que um deles acabou fugindo e no caminho ainda tentou roubar um carro e atirou contra o motorista do veículo. O disparo acabou acertando o para-brisa e o autor então desistiu do roubo e voltou a fugir. Segundo o condutor, o criminoso estava com manchas de sangue na região do pescoço.

Ainda durante a fuga, o suspeito teria roubado uma carteira de um pedestre e também uma motocicleta. O outro suspeito de envolvimento no crime foi avistado já em fuga por moradores.