Segurança

Inconsolado com término, homem desconta frustração em móvel e acaba no hospital

Antes de ser encaminhado para o hospital, o rapaz ainda pediu para dar um abraço da mulher

Daniela
Daniela Borsuk com informações de Tiago Silva, da RIC Record TV Curitiba
Inconsolado com término, homem desconta frustração em móvel e acaba no hospital
(Foto: Tiago Silva/ RIC Record TV)

29 de novembro de 2021 - 15:20 - Atualizado em 29 de novembro de 2021 - 15:20

Nesta segunda-feira (29), um homem se feriu durante uma briga com a companheira. A situação aconteceu na Rua Luiz Tramontin, no bairro Campo Comprido, em Curitiba. Conforme o relato da mulher, ela teria ido buscar suas coisas na residência e o homem ficou nervoso pois não queria que ela fosse embora. A Polícia Militar informou que o homem foi “descontar” a frustração em uma prateleira e acabou machucando a mão com gravidade.

Conforme a PM, o casal estava discutindo e o homem deu um soco em um móvel de vidro da casa, que quebrou.

“Os populares aí falam que ele ainda continua apaixonado por ela e, por não querer perder a relação, ele foi até o quarto onde ela se encontrava e ela não queria reatar o namoro com ele. Ele acabou dando um soco na prateleira e feriu a mão. A princípio ela não tem nenhuma situação de ter atentado contra a vida dele. Ele estava com raiva que ela não queria reatar com ele e deu um soco na prateleira, mas foi só isso”,

relatou o cabo Balmann.

A companheira contou uma versão diferente e disse que o homem teria tentado dar um soco nela. “Ele foi para me dar um murro, eu abaixei minha cabeça e ele deu no vidro”, afirmou a mulher. Ela permaneceu no local e acompanhou o atendimento médico do homem.

Já as testemunhas relataram que o casal vive brigando e que, em outras ocasiões, a mulher já teria batido no companheiro. O homem com a mão bastante machucada pediu ajuda em uma farmácia e o Siate foi acionado. Antes de ser encaminhado para o hospital, o rapaz ainda pediu para dar um abraço da mulher. “É triste, né, quando o amor não é correspondido”, comentou o cabo Balmann.

Registrou um flagrante? Mande para o WhatsApp do RIC Mais. Clique aqui e faça o portal com a gente!