Segurança

Homem que confessou ter cometido assassinato em Ibiporã é morto em confronto com a PM

O confronto aconteceu enquanto a Polícia Militar fazia a verificação de uma denúncia de tráfico de drogas

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais com informações de Rafael Machado, da RICtv
Homem que confessou ter cometido assassinato em Ibiporã é morto em confronto com a PM
Drogas encontradas na casa. (Foto: Divulgação/PMPR)

7 de janeiro de 2022 - 11:33 - Atualizado em 7 de janeiro de 2022 - 11:33

Na noite desta quinta-feira (06), um homem de 29 anos foi morto durante confronto com a Polícia Militar (PM), em Ibiporã, norte do Paraná. Ele teria tentado atirar contra os policiais durante a verificação de uma denúncia. O homem, identificado como Juliano Antônio Jagielski, era réu confesso do assassinato de Diego Nakad, em setembro de 2021.

A equipe estava na Rua José Mendes Filho para verificar uma denúncia de tráfico de drogas. De acordo com a PM, dois indivíduos estavam no portão, um deles como uma arma na mão. Com a chegada da equipe, ambos foram para o interior da casa. Neste momento, Juliano teria apontado a arma para os oficiais. Ele foi morto a tiros.

Na residência, foram encontradas duas porções de crack, 14 pinos de cocaína e 52 porções de maconha. Um revólver calibre 38 foi apreendido.