Segurança

Gaeco cumpre mandados contra suspeitos de organização criminosa no PR e SC

Os alvos são suspeitos de participação em um grupo criminoso que ostentam vidas de luxo

Bruna
Bruna Melo / Repórter com informações do MPPR e Rafael Machado, da RICtv
Gaeco cumpre mandados contra suspeitos de organização criminosa no PR e SC
BMW apreendida na Gleba Palhano, em Londrina. (Foto: Rafael Machado/RICtv)

1 de julho de 2022 - 12:01 - Atualizado em 1 de julho de 2022 - 12:01

Foram cumpridos 19 mandados de busca e apreensão em cidades dos estados do Paraná e Santa Catarina, nesta sexta-feira (1º). Os alvos são suspeitos de participação em um grupo criminoso que ostentam vidas de luxo.

A operação é do Núcleo de Londrina, norte do Paraná, do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco). Ela conta com o apoio do Exército Brasileiro, Polícia Militar (PM) e dos Núcleos Regionais dos Gaecos de Maringá e de Itajaí, em Santa Catarina.

A Operação Bazófia investiga crimes de tráfico de drogas, posse ilegal de armamento de uso restrito e lavagem de dinheiro. Foram apreendidos armas, munições, drogas, documentos e bens com indícios de origem ilícita. Uma BMW, avaliada em mais de R$ 150 mil, foi apreendida no bairro Gleba Palhano, em Londrina.

Os mandados foram distribuídos por Londrina (14), Jandaia do Sul (3), Alvorada do Sul (1) e Balneário Camboriú, em Santa Catarina (1). Os endereços são relacionados aos investigados, mesmo que registrados em nome de terceiros. Os alvos ostentam imóveis e veículos de luxo.

Os principais suspeitos já possuem ficha criminal por crimes de tráfico de drogas e contra o patrimônio, além de serem investigados por envolvimento em crimes contra a vida. Ainda não se sabe a quantidade de dinheiro que já foi movimentada.

Bazófia, o nome da operação, faz alusão à vaidade e ostentação de riqueza mantida pelos investigados.