Segurança

Família tem casa invadida e cachorrinho furtado: “20 min que eu sai de casa”

Os policiais localizaram o animal dentro do carro usado no furto e prenderam uma mulher

Ana Clara
Ana Clara Marçal / Estagiária com informações de Laís de Oliveira, da RIC Record TV
Família tem casa invadida e cachorrinho furtado: “20 min que eu sai de casa”
(Foto: Divulgação)

8 de novembro de 2021 - 15:22 - Atualizado em 8 de novembro de 2021 - 15:22

Uma família de Ibiporã, no norte do Paraná, viveu momentos de desespero após ter a casa invadida, itens furtados e o cachorrinho de nove meses, o Beethoven, levado. A moradora contou que havia saído de casa para ir no mercado, por cerca de 20 minutos e, quando voltou, constatou o crime. O caso aconteceu na sexta-feira (6).

“Todos os dias eu trabalho em uma esquina próxima da minha casa, em uma padaria. Na sexta-feira, eu não fui trabalhar, só que eu acordei meu filho para ir no mercado, ai ele falou ‘mãe, eu não vou’, ai eu me troquei e saí. Foi questão de uns 20 minutos que eu sai de casa e os bandidos entraram, aí levaram a TV, o videogame do meu filho e o nosso cachorrinho […] Só que a nossa preocupação não era nem tanto as coisas que eles levaram mas o nosso cachorro, que faz parte da família”,

relembra Renata.

A Polícia Militar (PM) e a Polícia Civil (PC) foram acionadas para ajudar a encontrar os suspeitos. No mesmo dia, a equipe localizou, através de câmeras de segurança que registraram o crime, o carro utilizado e, dentro do veículo, o cachorrinho.

“Ela [vítima] já tinha algumas informações do bairro, de um conjunto de câmeras, de grupos do WhatsApp que flagraram um veículo que fora utilizado para o cometimento desse crime de furto. Com a placa desse carro, nós diligenciamos, até que na manhã de hoje conseguimos localizar o endereço do carro e localizamos o carro. Junto com o carro estava o cachorro e, assim sendo, foi recuperado o cachorro”,

explica o policial, que preferiu não se identificar.

Uma mulher foi autuada e recebeu voz de prisão. Ela foi encaminhada para a delegacia de polícia para que as devidas providências fossem tomadas.