Segurança

Estudante morre após comer doce de maconha

A compra dos doces foi realizada por um aplicativo de mensagens e o produto foi entregue na residência da jovem

Carol
Carol Machado / Produtora Jr Com informações do The Guardian
Estudante morre após comer doce de maconha
Estudante morre após comer doce de maconha (Foto: Pixabay)

7 de abril de 2022 - 14:15 - Atualizado em 7 de abril de 2022 - 14:17

Uma jovem de 23 anos passou mal logo depois de comer um doce feito de maconha, ela foi hospitalizada e morreu no último sábado (2).  A estudante de direito, Damiola Olakanmi, estava com uma amiga, que também passou mal ao comer o doce feito de cannabis. O caso foi registrado em Londres.

A compra dos doces foi realizada por um aplicativo de mensagens e o produto foi entregue na residência da jovem. As estudantes foram encaminhadas ao hospital, e apenas a amiga de Damiola recebeu alta. Uma autópsia será realizada no corpo da jovem para identificar a causa da morte.

Um homem foi detido por fornecer os doces para as jovens. Leon Brown, de 37 anos, foi acusado de porte com intenção de fornecer um canabinoide sintético classe B, estando preocupado com o fornecimento de um canabinóide sintético e porte com intenção de fornecer uma substância psicoativa. O suspeito foi encontrado na posse de uma grande quantidade de dinheiro e de produtos de cannabis comestíveis

Alguns dos doces foram recuperados e agora estão sendo testados. As autoridades acreditam que o caso pode estar ligado a outro incidente que ocorreu em março, no qual uma mulher também foi levada ao hospital depois de comer um doce de cannabis.

*As informações são do The Guardian

Quer mandar uma sugestão de pauta pro RIC Mais? Descreva tudo e mande suas fotos e vídeos pelo WhatsApp, clicando aqui.