Segurança

“Ele podia ter me matado”: motoboy atingido por carro quer que polícia encontre motorista fujão

O motorista chegou a parar e descer do veículo, mas entrou novamente no carro e saiu rapidamente, com a porta do passageiro aberta, e quase bateu em outro motociclista na fuga

Daniela
Daniela Borsuk com informações de Tiago Silva, da RIC Record TV Curitiba
“Ele podia ter me matado”: motoboy atingido por carro quer que polícia encontre motorista fujão
(Foto: Reprodução)

12 de outubro de 2021 - 13:02 - Atualizado em 12 de outubro de 2021 - 13:02

Kaique Santos, o motociclista que foi atingido por um carro na manhã do último sábado (9) na Avenida das Cerejeiras, em Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba, quer que a polícia encontre o motorista que fugiu após a batida. A vítima estava saindo para trabalhar pela manhã, por volta das 6h30, quando o condutor de um automóvel entrou na contramão para entrar no pátio de um posto de gasolina e colidiu contra a moto.

Imagens de câmeras de segurança registraram o momento em que o motorista desceu do carro, deu uma olhada no motociclista caído no chão e ficou no local por cerca de dois minutos. Na sequência, o suspeito entrou novamente no carro e saiu rapidamente, com a porta do passageiro aberta, e quase bateu em outro motociclista na fuga.

“Para mim o cara não tem sentimento. Ele só veio ver como eu estava e acabou fugindo. Aí eu quero que ele assuma as consequências dele, ele podia ter me matado”.

contou Kaique.

A vítima foi levada para o hospital e agora está se recuperando. A moto de Kaique ficou completamente destruída e ele espera que o motorista seja localizado para arcar com as despesas do veículo.