Segurança

Com interesse na herança da família, filho simulou latrocínio de radialista, diz polícia

Na época, o filho assistia televisão com o pai e foi baleado na região da perna; segundo a polícia o ferimento foi causado para tentar simular um possível latrocínio

Aline
Aline Cristina / Repórter
Com interesse na herança da família, filho simulou latrocínio de radialista, diz polícia
(Foto: redes sociais)

6 de abril de 2022 - 14:34 - Atualizado em 6 de abril de 2022 - 14:38

Três pessoas foram presas pela Polícia Civil por estarem ligadas ao homicídio do radialista de Ubiratã, Antônio Beckhauser, de 57 anos, e a tentativa de homicídio contra a esposa dele Marilene Macagnan Beckhauser. Um dos envolvidos é o filho mais velho do casal.

Segundo apurado nas investigações, o filho foi o mandante da ação criminosa e a motivação está ligada ao interesse na herança dos pais e na venda de um imóvel avaliado em cerca de um milhão de reais. Segundo a polícia, Antônio era contrário ao inventário da casa da mãe dele, que era avó paterna do acusado. Os outros dois detidos são o intermediador e o executor.

Na época, o filho assistia televisão com o pai e foi baleado, na região da perna. Segundo a polícia o ferimento foi causado para tentar simular um possível latrocínio.

As prisões aconteceram na quarta-feira (06) de forma simultânea nos municípios de Ubiratã, Campina da Lagoa, e em Nova Motim, no Mato Grosso. Todos os envolvidos foram levados para a Delegacia de Polícia Civil.

Sobre o caso

Antônio Beckhauser, de 58 anos, radialista da cidade de Ubiratã, foi morto dentro de sua casa no dia 15 de setembro de 2021, no Jardim Josefina, no município, que fica no Oeste do Paraná. Sua esposa e seu filho também foram feridos.

A família estava em casa, quando um homem encapuzado chegou ao local e deu voz de assalto, as informações foram repassadas por uma das vítimas à polícia.

“ Antônio e seu filho, estavam na sala da casa assistindo um jogo pela televisão, quando armado o homem chegou e deu voz de assalto. O homem pediu carteiras e dinheiro. No momento em que o radialista levantou a mão em forma de rendimento, o assaltante atirou contra pai e filho.”

Tenente Gabriel Ferreira Pinto de Oliveira – Comandante da 2 Cia PM/11° BPM

Antônio foi atingido por um tiro na cabeça e morreu na hora. Seu filho foi ferido com dois tiros na região da perna. 

“ O atirador ouviu um barulho no interior da casa, e ao entrar no quarto, localizou a esposa do radialista, Marilene Macagnan Beckhauser, e atirou. A mulher tentou se jogar atrás da cama, mas foi ferida na região da face e braço.”

Tenente Gabriel Ferreira Pinto de Oliveira – Comandante da 2 Cia PM/11° BPM

Marilene foi levada ao Hospital Santa Casa de Campo Mourão e passou por cirurgia. O filho do casal, foi levado ao mesmo hospital, mas não sofreu ferimentos considerados graves. O corpo do radialista foi levado para o Instituto Médico Legal de Campo Mourão.

Antônio era muito conhecido na cidade. Ele trabalhava desde 1995 na rádio Difusora.


Registrou um flagrante? Mande pro WhatsApp do RIC Mais clicando aqui e faça o portal com a gente!