Segurança

Chefe de escoteiros é preso suspeito de estuprar adolescente em banheiro de parque de Curitiba

O suspeito tem ainda um canal no Youtube com conteúdo voltado ao público infanto-juvenil

Daniela
Daniela Borsuk
Chefe de escoteiros é preso suspeito de estuprar adolescente em banheiro de parque de Curitiba
(Foto: Ilustração/ Pixabay)

16 de setembro de 2021 - 11:31 - Atualizado em 16 de setembro de 2021 - 14:55

Um homem, de 32 anos, foi preso preventivamente na quarta-feira (15) suspeito de estuprar um adolescente, de 12 anos, no banheiro público de um parque de Curitiba. O crime teria sido registrado em 2014.

De acordo com a Polícia Civil do Paraná, o suspeito atuava como chefe de um grupo de escoteiros em um clube social da capital paranaense. A vítima fazia parte do grupo. Ainda, conforme a polícia, o suspeito tem um canal no Youtube com conteúdo voltado ao público infanto-juvenil.

O homem foi detido por estupro de vulnerável e encaminhado para a delegacia.

Atualização

O suspeito foi identificado como Fernando e preso em casa, no bairro Boa Vista, em Curitiba. A mãe relatou que mora em São Paulo e que não sabe ainda se irá, ou não, contratar um advogado para defender o filho. “Eu não pagaria um centavo pro advogado para nada, eu deixava com a defensoria pública, deixava ele lá”, disse a mulher, que não será identificada.

(Foto: Redes Sociais)

A delegada responsável pelo caso, Patrícia Paz, deu mais detalhes de como o crime teria acontecido: “Ele conheceu a vítima, um adolescente de 12 anos de idade na época, em março de 2014, em um campeonato de armas de brinquedo, momento em que passaram a conversar por aplicativos de celular e redes sociais. Mensagens essas que, com o passar do tempo, começaram a ter uma conotação sexual. Aproximadamente em setembro, em um evento desta temática no Jardim Botânico, o noticiado abordou a vítima e a levou ao banheiro, tendo então praticado o abuso sexual”, disse a delegada.