Assassinatos

Família e amigos se despedem de homem que foi assassinado a tiros por bombeiro

Valnei era de uma família tradicional de Santa Felicidade e muito conhecido na região; separado, pai de dois filhos, ele tinha negócios na capital e já chegou até mesmo a jogar pelo Trieste Futebol Clube

Daniela
Daniela Borsuk com informações de Thais Travençoli, da RICtv
Família e amigos se despedem de homem que foi assassinado a tiros por bombeiro
(Foto: Redes Sociais)

31 de janeiro de 2022 - 14:24 - Atualizado em 31 de janeiro de 2022 - 14:24

A família de Valnei Menegusso se despede do empresário, de 49 anos, nesta segunda-feira (31), na paróquia do Cemitério de Santa Felicidade, em Curitiba. O homem foi morto a tiros pelo bombeiro Felipe Toledo Caseiro neste domingo (30), no bairro Novo Mundo, na capital. Após o velório, o corpo de Valnei deve ser sepultado na tarde de hoje.

Valnei era de uma família tradicional de Santa Felicidade e muito conhecido na região. Separado, pai de dois filhos, já adultos, Menegusso tinha negócios na capital e já chegou até mesmo a jogar no time Trieste Futebol Clube de 1996 a 1999.

O time fez uma homenagem ao ex-atleta nas redes sociais. Confira:

Amigos também se manifestaram em despedida pelo Facebook, veja:

Conforme informações de amigos, Valnei tinha começado a se encontrar com a cabo do Corpo de Bombeiros há pouco tempo. Ele estava na casa da mulher quando o ex dela, Felipe, soldado dos bombeiros, invadiu o condomínio onde ela morava, na Avenida Brasília. Valnei acabou assassinado a tiros, a mulher foi agredida violentamente e, após os crimes, o suspeito cometeu suicídio.

De acordo com a síndica do prédio onde as mortes foram registradas, o bombeiro aproveitou o momento em que um morador saiu do condomínio para levar o lixo para fora. Felipe então foi até o quarto andar e tocou a campainha do apartamento da ex.

ATENÇÃO: IMAGENS FORTES!

Segundo amigos bombeiros da mulher, ela tem um filho de cerca de 10 anos e morava no condomínio há menos de um ano. A cabo é viúva de um capitão da Defesa Civil que cometeu suicídio em 2020.