Segurança

Após fugir da polícia e quase atropelar um pedestre, motorista é preso em Cascavel

O condutor do veículo ainda trafegou na contramão por várias ruas; ele foi detido em flagrante pelos crimes desobediência, resistência, atentado contra a segurança de serviço de utilidade pública, dirigir veículo pondo em perigo a segurança alheia, embriaguez ao volante

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais
Após fugir da polícia e quase atropelar um pedestre, motorista é preso em Cascavel
Foto: Divulgação/PRF

17 de outubro de 2021 - 15:11 - Atualizado em 17 de outubro de 2021 - 15:23

Um homem de 48 anos foi preso após fugir de uma abordagem policial na BR-277, em Cascavel, no oeste do Paraná, durante a tarde de sábado (16). 

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), por volta  das 16h30, uma equipe que realizava um trabalho de ronda avistou o carro do suspeito entrar na marginal da rodovia pela contramão. Os agentes tentaram uma abordagem com o uso de  sinais sonoros e luminosos, mas o condutor do veículo fugiu em alta velocidade

Na sequência, enquanto era perseguido pela viatura policial, o homem passou a realizar diversas manobras de ultrapassagem pela contramão em local proibido pela sinalização e entrou na cidade, onde continuou conduzindo de forma irresponsável. Ainda conforme a PRF, ele cometeu diversas infrações de trânsito, colocou a vida de várias pessoas em risco e quase atropelou um pedestre quando dirigia na contramão pela rua Vitória

Como último recurso para interceptar o veículo e “cessar o risco iminente de acidente”, a equipe PRF utilizou a viatura para interceptar o carro, que acabou colidindo em um muro. Já durante a tentativa de abordagem e imobilização, o homem resistiu a ação legítima dos policiais. 

Segundo os agentes que atenderam a ocorrência, o motorista apresentava olhos vermelhos e odor etílico e dentro do carro foram encontradas 3 latas de cerveja vazias. 

O homem se negou a realizar o teste de bafômetro, mas foi conduzido para a Delegacia de Polícia Federal de Cascavel pelo cometimento dos crimes de desobediência, resistência, atentado contra a segurança de serviço de utilidade pública, dirigir veículo pondo em perigo a segurança alheia, embriaguez ao volante.