Segurança

Ácido sulfúrico vaza de empresa no noroeste do Paraná e causa queimaduras em animais

O líquido chegou a um pequeno riacho na região, o que ajudou a espalhar o ácido e a aumentar o impacto ambiental

Renan
Renan Vallim / Repórter
Ácido sulfúrico vaza de empresa no noroeste do Paraná e causa queimaduras em animais
Empresa foi multada em R$ 10 mil | Foto: Polícia Ambiental

28 de janeiro de 2022 - 09:30 - Atualizado em 28 de janeiro de 2022 - 09:30

Uma empresa foi multada em R$ 10 mil após a Polícia Ambiental flagrar um vazamento de ácido sulfúrico, na zona rural de Peabiru, noroeste do Paraná. Animais de uma propriedade rural vizinha ficaram feridos por conta da substância química.

Os policiais ambientais encontraram o vazamento nesta quinta-feira (27), identificando a empresa como origem do ácido. O líquido chegou a um pequeno riacho na região, o que ajudou a espalhar o ácido e a aumentar o impacto ambiental. Não há ainda um levantamento para identificar o impacto na fauna e na flora do riacho.

De acordo com os policiais, a substância atingiu uma Área de Preservação Permanente (APP), causando danos à mata nativa. O ácido invadiu uma propriedade vizinha à empresa, causando queimaduras em animais domésticos.

De acordo com a Polícia Ambiental, a empresa foi multada em R$ 10 mil pela APP danificada. A área foi embargada. Instituto Água e Terra do Paraná (IAT), Polícia Civil e Ministério Público foram informados e deverão realizar novas vistorias. Novas multas poderão ser aplicadas e a empresa poderá responder criminalmente pelo vazamento.

Quer mandar uma sugestão de pauta pro RIC Mais? Descreva tudo e mande suas fotos e vídeos pelo WhatsApp, clicando aqui.