Acidentes

Motorista envolvido no acidente em rotatória de Londrina é solto por pagamento de fiança

Ele, que é estudante de medicina, permaneceu em silêncio durante o depoimento; um homem de 49 anos morreu na colisão

Bruna
Bruna Melo / Repórter com informações de Rafael Machado, da RICtv
Motorista envolvido no acidente em rotatória de Londrina é solto por pagamento de fiança
(Foto: Reprodução/Redes sociais)

24 de maio de 2022 - 11:12 - Atualizado em 24 de maio de 2022 - 11:35

Foi feita, na manhã desta terça-feira (24), a audiência de custódia do motorista que causou acidente em uma rotatória de Londrina, norte do Paraná. A Justiça concedeu liberdade provisória mediante pagamento de fiança no valor de R$ 20 mil. Na madrugada de segunda-feira (23), o motorista, de 24 anos, atingiu o carro em que estava um homem, de 49 anos, que morreu com o impacto.

Além da fiança, foram estabelecidas outras medidas cautelares. O suspeito não pode sair de Londrina nos próximos 10 dias. Ele também teve o direito de dirigir suspenso e deve entregar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) para as autoridades.

O rapaz foi preso na manhã de segunda-feira (23) ao delegado Roberto Fernandes, algumas horas depois do acidente. Ele deve responder por homicídio culposo com agravante

Acidente fatal

Em um Audi, o motorista teria saído de uma choperia, quando passou pela rotatória da Avenida Maringá com a Avenida Presidente Castelo Branco. Ele bateu contra a caminhonete, que capotou. Mauro Lisboa, de 49 anos, ficou preso na cabine. Mesmo com a chegada do Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate), ele não resistiu e morreu no local.

O condutor se recusou a fazer o bafômetro, no momento do acidente. Entretanto, socorristas do Siate constataram os sinais de embriaguez. Ele está no sexto ano de Medicina, em uma universidade de Maringá. No depoimento, permaneceu em silêncio.