Acidentes

Adolescentes de moto batem contra caminhão, são arremessadas e morrem

Momento da colisão foi registrado por câmera de celular; assista as imagens

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais
Adolescentes de moto batem contra caminhão, são arremessadas e morrem
(Foto: Reprodução)

18 de novembro de 2021 - 11:47 - Atualizado em 18 de novembro de 2021 - 11:48

Imagens impressionantes gravadas por um celular registraram o momento em que duas adolescentes em uma motocicleta colidem com um caminhão. As ocupantes da moto, ambas de 13 anos, foram arremessadas com o impacto violento e não resistiram. A colisão aconteceu no último domingo (14), na zona rural de Cruzeiro do Sul, no Acre.

De acordo com informações da imprensa local, Dhemili Barrozo Gomes e Queila Paixão da Silva estavam trafegando em alta velocidade e sem capacete, no Ramal 3, na BR-364. Em frente a uma igreja, logo após o fim do asfalto da via, as garotas foram surpreendidas por um caminhão que seguia no sentido contrário.

Sem tempo de qualquer reação, o caminhoneiro não conseguiu evitar a colisão. Queila, que conduzia a motocicleta, foi arremessada contra a frente do veículo. Já Dhemili, que estava na garupa, foi lançada por cima do veículo. Ambas as meninas tiveram múltiplas fraturas e morreram no local.

Ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegaram a ser acionadas, porém, as vítimas já estavam em óbito. O motorista do caminhão não teve ferimentos. Assista ao momento do acidente:

Acidente adolescentes de moto investigado

O grave acidente no KM 2 da BR-364, em Cruzeiro do Sul, chocou os moradores de todo estado. As garotas, que obviamente não tinham habilitação, estavam com uma motocicleta Honda Titan. 

O delegado Lindomar Ventura, da Polícia Civil do Acre, assumiu as investigações e um inquérito policial vai apontar os responsáveis pelo acidente. A investigação apura quem seria o dono da motocicleta e se as garotas pegaram o veículo com autorização de algum adulto.

acidente adolescentes moto (1)
(Foto: Reprodução)

Nesta quarta-feira (17), o delegado ouviu depoimentos de familiares das vítimas e do motorista do caminhão. Logo após o acidente, o caminhoneiro foi submetido ao teste do bafômetro, que apontou resultado negativo para ingestão de álcool.

De acordo com o portal AC24Horas, as meninas tinham 13 anos. Sendo que Queila completaria 14 no próximo dia 5. Ambas as vítimas foram sepultadas no Cemitério da Vila Santa Luzia, na última segunda-feira (15).