Saúde

Temporal em Foz suspendeu vacinação contra Covid-19 em unidades de saúde

Saúde está reagendando a aplicação da primeira dose para adolescentes de 12 a 17 anos

Aline
Aline Cristina / Repórter
Temporal em Foz suspendeu vacinação contra Covid-19 em unidades de saúde
(Foto: Geraldo Bubniak/AEN)

25 de outubro de 2021 - 10:47 - Atualizado em 25 de outubro de 2021 - 10:54

O Forte Temporal que atingiu a cidade de Foz do Iguaçu, no Oeste do Estado, durante o fim de semana, causou muitos transtornos e prejuízos no município e a aplicação de doses contra Covid-19 em adolescentes de 12 a 17 anos (com e sem comorbidades) também ficou prejudicada. Cinco unidades de saúde tiveram que suspender a vacinação devido à falta de água ou luz.  

Os jovens que agendaram nas unidades da Vila C Velha, Vila C Nova, Porto Belo, Cidade Nova e São João, receberão a ligação das equipes para o reagendamento da vacinação, que acontecerá essa semana.

 “Se por ventura algum adolescente não receber a ligação das equipes, a orientação é entrar em contato com a unidade de saúde onde foi feito o agendamento e solicitar a remarcação.”

Rosa Maria Jerônymo – secretária de saúde

Foram abertas 6.450 vagas para vacinação de adolescentes no domingo (24) e 5.283 doses foram aplicadas. Portanto, 1.167 adolescentes ainda precisam receber a primeira dose. No domingo, também foram aplicadas 354 doses de antecipação da Pfizer (segunda dose); 28 primeiras doses para adultos com mais de 18 anos e 4 doses de reforço. 

Nenhuma vacina perdida

Mesmo com a falta de energia em algumas unidades de saúde, todas as vacinas contra a Covid-19 e também as outras que integram o calendário vacinal não foram perdidas devido ao sistema de conservação inteligente, que controla a temperatura e garante a conservação das vacinas em até 48 horas, caso haja interrupção no fornecimento de energia elétrica. 

De acordo com a Vigilância Epidemiológica, devido à insegurança sobre o retorno da energia elétrica (que poderia passar de 48 horas), algumas vacinas foram remanejadas para outras unidades de saúde que não foram prejudicadas com a falta de luz.

https://ricmais.com.br/noticias/coronavirus/