Saúde

Apesar da alta nos casos, número de pacientes em UTIs da França recua

O aumento dos casos de semana a semana de 13,5% foi o menor desde o início do ano

Reuters
Reuters
Apesar da alta nos casos, número de pacientes em UTIs da França recua
Paciente internado em UTI de hospital francês

14 de janeiro de 2022 - 17:09 - Atualizado em 14 de janeiro de 2022 - 18:07

PARIS (Reuters) – O número de pacientes da Covid-19 em Unidades de Tratamento Intensivo na França caiu pelo segundo dia seguido, apesar de um recorde de infecções, mostraram dados do Ministério da Saúde francês nesta sexta-feira (14).

A França registrou 3.895 pacientes de Covid-19 em unidades de tratamento intensivo nesta sexta, 44 a menos do que na véspera, e em queda pelo segundo dia consecutivo, apesar da média móvel semanal de novas infecções ter atingido nova alta de quase 294 mil por dia na quinta-feira.

O número de pessoas internadas com Covid-19 subiu em 357, para 24.511, mas o aumento semana a semana de 13,5% foi o menor desde o início do ano. O Instituto Pasteur afirmou na quarta-feira que espera ver o pico de infecções da nova variante Ômicron em meados de janeiro, seguido por um pico de internações hospitalares na segunda metade do mês.

A França registrou nesta sexta-feira 191 mortes pela Covid-19, levando o total acumulado a 126.721.

(Reportagem de Geert De Clercq)