Saúde

Doses de reforço contra Covid-19: baixa procura deixa população em risco no PR

Somente 50,73% das pessoas aptas a tomar foram imunizadas até o momento

Eduardo
Eduardo Igor / Produtor
Doses de reforço contra Covid-19: baixa procura deixa população em risco no PR
(Foto: Luiz Costa/SMCS)

23 de junho de 2022 - 05:30

A baixa procura pelas doses de reforço em todo o estado do Paraná tem aumentado os riscos da população contrair a doença. Os números de casos voltaram a subir, de acordo com a Secretaria de Estado da Saúde.

De acordo com o Ranking da Vacinação contra a Covid-19 no Paraná, 96,11% dos paranaenses receberam a primeira dose e 87,71% a segunda dose. Já para a terceira dose, a procura teve uma queda quase pela metade: somente 50,73% das pessoas foram imunizadas até esta quarta-feira (22).

Leia mais: Secretaria de Saúde lança serviço de telemedicina para atender usuários de UPAs em Londrina

“É muito importante tomar a dose de reforço, estamos vendo muitos pacientes que tomaram as duas primeiras doses, mas não tomaram a dose de reforço. O esquema vacinal completo hoje, da vacina contra a Covid-19 para o adulto jovem são três doses e para os imunossuprimidos e idosos são quatro doses”,

alerta a infectologista do Hospital São Vicente Curitiba, Dra. Thatiane Nakadomari.

A terceira pode ser tomada por pessoas acima de 12 anos de idade, imunizadas com a segunda dose até 23/02.

Nesta segunda-feira (20), o Ministério da Saúde liberou a quarta dose para pessoas acima de 40 anos com o objetivo de intensificar a campanha e incentivar a população a completar o ciclo vacinal contra a Covid-19. É muito importante tomar todas as doses da vacina para previnir manifestações mais graves da infecção causada pelo novo coronavírus.

Locais de vacinação em Curitiba

Você consegue consultar todos os locais de vacinação em Curitiba e os horários de atendimento das Unidades de Saúde clicando aqui.