Saúde

Dois bebês são internados após receberem vacina da Pfizer por engano

De acordo com a técnica de enfermagem que fez a aplicação, a confusão aconteceu pois os frascos dos dois imunizantes são parecidos

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais
Dois bebês são internados após receberem vacina da Pfizer por engano
(Foto: Ilustração/ Pixabay)

4 de dezembro de 2021 - 17:20 - Atualizado em 4 de dezembro de 2021 - 17:20

Dois bebês, de dois e quatro meses, foram internados após receberem, por engano, a vacina da Pfizer contra a Covid-19 no lugar da pentavalente, que imuniza contra difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e contra uma bactéria responsável por infecções no nariz, meninge e garganta. O caso foi registrado em Sorocaba, interior de São Paulo, na quarta-feira (1º), um uma unidade básica de saúde do bairro Nova Sorocaba.

De acordo com a técnica de enfermagem que fez a aplicação, a confusão aconteceu pois os frascos dos dois imunizantes são parecidos. A mulher foi afastada das funções após a situação e um procedimento interno foi instaurado para apurar o caso. As crianças, uma menina e um menino, foram encaminhadas ao Grupo de Pesquisa e Assistência ao Câncer Infantil (Gpaci) após apresentarem fortes reações à vacina, como febre alta e vômito.

Os bebês receberam soro e, no dia seguinte, já não apresentavam mais sintomas. Os bebês devem passar por um teste de sorologia e, em seguida, receber a dose correta da pentavalente.

Registrou um flagrante? Mande para o WhatsApp do RIC Mais. Clique aqui e faça o portal com a gente!