Saúde

79,3% dos internados por Covid em Foz não tomaram vacina ou estão com o esquema vacinal incompleto

Já os pacientes com que tomaram todas as doses representam 20,7%; o prefeito fez um apelo para que a população não deixe de se imunizar contra o novo coronavírus

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais com SMC
79,3% dos internados por Covid em Foz não tomaram vacina ou estão com o esquema vacinal incompleto
Foto: Ilustrativa/ REUTERS/Kacper Pempel

20 de janeiro de 2022 - 18:22 - Atualizado em 20 de janeiro de 2022 - 18:23

Pacientes que não se vacinaram ou estão com esquema vacinal incompleto representam 79,3% dos internamentos por Covid-19 em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná. A informação é da Vigilância Epidemiológica do Município. 

No boletim divulgado na quarta-feira (19), nas Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e enfermarias dos hospitais Padre Germano Lauck e Costa Cavalcanti havia 64 pessoas internadas, das quais 79,3% não estavam vacinadas ou o esquema vacinal estava incompleto. Já os pacientes com que tomaram todas as doses representam 20,7%.

“Os números apontam que as pessoas não vacinadas possuem a maior chance de serem hospitalizadas. Por isso, é imprescindível que todos se vacinem para diminuir as chances de agravamento clínico em caso de contaminação e também para frear a taxa de transmissão na cidade”,

comentou o prefeito Chico Brasileiro.

No cenário nacional, a situação é semelhante. Na semana passada em São Paulo, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga reforçou a importância de ter o esquema vacinal completo.

“Aqueles que se internam nos hospitais e nas unidades de terapia intensiva, a grande maioria são de indivíduos não vacinados. Estamos aqui falando sobre vacinas infantis, mas é necessário reafirmar a orientação para que aqueles que não tomaram a segunda dose que há muitos no Brasil – felizmente muito menos de que em outros países – e aqueles que ainda não tomaram a dose de reforço que procurem a sala de vacinação para completar o seu esquema vacinal”,

disse o ministro.

Vacinação em Foz

Todas as 29 Unidades Básicas de Saúde (UBS) seguem aplicando as vacinas por busca espontânea. A exceção é para a vacinação das crianças, que atualmente está sendo feita para os pequenos de 5 a 11 anos com comorbidades ou deficiência permanente, e inicia nesta sexta-feira (21) para as crianças de 10 a 11 anos, com agendamento prévio pelo site da prefeitura (vacinacao.pmfi.pr.gov.br).

Registrou um flagrante? Mande pro WhatsApp do RIC Mais clicando aqui e faça o portal com a gente!