Política

Plenário da Câmara inicia discussão da PEC do voto impresso

Até o momento, deputados votaram apenas a quebra de interstício, para eliminar a exigência dos intervalos regimentais para a discussão da proposta no plenário da Casa

Reuters
Reuters
Plenário da Câmara inicia discussão da PEC do voto impresso
Plenário da Câmara dos Deputados

10 de agosto de 2021 - 19:37 - Atualizado em 10 de agosto de 2021 - 20:08

Por Maria Carolina Marcello

BRASÍLIA (Reuters) – A Câmara dos Deputados iniciou nesta terça-feira (10) a discussão da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do voto impresso após aprovar um requerimento de quebra de interstício, eliminando a exigência dos intervalos regimentais para a discussão da proposta no plenário da Casa.

A maioria dos partidos posicionou-se favorável à quebra de interstício. Único a orientar contra a dispensa do intervalo, o líder do PSL, deputado Vitor Hugo (GO), pedia mais tempo para discutir a matéria, mas não convenceu os colegas.

O requerimento foi aprovado por 295 votos a 43, placar que já dá amostra de como deve se comportar o plenário na votação do mérito da PEC.

A maior parte dos partidos políticos já se posicionou contra a medida e até mesmo o presidente Jair Bolsonaro, ferrenho defensor da proposta, admitiu a possibilidade de derrota.

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH7912S-BASEIMAGE