Política

Pesquisa mostra vantagem de 11 pontos de Lula sobre Bolsonaro

Caso acontecesse um segundo turno entre os candidatos, Lula venceria por 54% a 37%

Reuters
Reuters
Pesquisa mostra vantagem de 11 pontos de Lula sobre Bolsonaro
Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva

2 de fevereiro de 2022 - 19:38 - Atualizado em 30 de junho de 2022 - 12:32

Confira tudo sobre as Eleições 2022

BRASÍLIA (Reuters) – A vantagem do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sobre o presidente Jair Bolsonaro diminuiu para 11 pontos percentuais, ante 14 pontos há duas semanas, mostrou uma nova pesquisa nesta quarta-feira (2).

A pesquisa apontou 41% das intenções de voto para Lula e 30% para Bolsonaro se a eleição de outubro fosse realizada hoje, em comparação com uma diferença de 42% a 28% na pesquisa anterior do PoderData, uma divisão do jornal digital Poder360.

Em um segundo turno entre os dois, Lula venceria por 54% a 37%, uma vantagem de 17 pontos que diminuiu em comparação aos 22 pontos de duas semanas atrás.

Lula recuou porque é o favorito e seus rivais estão todos mirando nele, disse o consultor de risco André César, da Hold Assessoria Legislativa.

“Ele está mais exposto e os adversários estão atacando o histórico do PT no cargo”,

disse César.

Bolsonaro tem se tornado mais populista à medida que as eleições se aproximam, deixando de lado as preocupações com a disciplina fiscal e prometendo reduzir os altos custos de combustível.

O ex-juiz Sergio Moro perdeu terreno e agora atrai os mesmos 7% de apoio de Ciro Gomes, segundo a pesquisa.

Lula se sai melhor entre as mulheres, eleitores de baixa renda, brasileiros com formação universitária e no Nordeste, de acordo com a sondagem.

A pesquisa telefônica entrevistou 3.000 pessoas na segunda e terça-feira e tem uma margem de erro de 2 pontos percentuais.

(Reportagem de Anthony Boadle)

Policial, serviços, política, saúde, economia… Tem isso e tudo o que acontece no Paraná no RIC Mais. Clique aqui e mande sua sugestão de pauta.
WhatsApp

Receba no seu celular tudo o que é mais importante
nas Eleições 2022.

Entre no grupoAo entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.