Política

“Não enriqueci na vida pública”, justifica Moro sobre receber salário do Podemos

Moro defendeu que essa é uma maneira de ganhar dinheiro de forma lícita para manter suas despesas

Rodrigo
Rodrigo Sigmura / Editor-Chefe
“Não enriqueci na vida pública”, justifica Moro sobre receber salário do Podemos
(Foto: Rodrigo Sigmura/RIC Mais)

2 de dezembro de 2021 - 11:10 - Atualizado em 2 de dezembro de 2021 - 21:55

Questionado no Jornal da Manhã Paraná, da Jovem Pan, sobre passar a receber um salário do Podemos, Sergio Moro destacou que não enriqueceu como juiz ou como Ministro da Justiça e Segurança Pública. Ele deverá receber R$ 22 mil do partido.

“É muito simples isso. Eu sempre tive o meu salário, eu tenho uma família, sou casado há 22 anos, tenho os meus filhos. Tenho que sustentar a minha família, embora a minha esposa também trabalhe… às vezes ela até ganhou bem mais do que eu durante a minha carreira pública. Eu tenho que ter um meio de subsistência”, justificou.

O ex-juiz também ressaltou que o valor que irá receber é menor do que o recebido pelo candidato do PT. “O Lula ainda tem uma aposentadoria de presidente, anda com um monte de gente paga pelo governo. Nem tem despesa, acho. Nem deve saber o preço da gasolina”, pontuou.

Moro defendeu que essa é uma forma de poder trabalhar e construir um projeto com o partido. “Tenho que ter uma fonte de subsistência que seja lícita”, finalizou.

Assista: