Política

Michel Temer é recebido com protestos em Araucária (PR)

Ex-presidente veio ao Paraná para receber a medalha da comenda da Ordem da Luz dos Pinhais da Prefeitura de Curitiba

Guilherme
Guilherme Becker / Editor com informações da RIC Record TV
Michel Temer é recebido com protestos em Araucária (PR)
(Foto: Aécio Novitski / Portal Araucária no Ar/ Sindispetro)

3 de novembro de 2021 - 11:53 - Atualizado em 3 de novembro de 2021 - 11:56

A visita do ex-presidente Michel Temer ao Paraná começou com protestos na manhã desta quarta-feira (3). Antes do encontro com o prefeito de Curitiba, Rafael Greca, e do almoço com o governador, Ratinho Junior, Temer foi até a cidade de Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba.

Na capital paranaense Temer irá receber a medalha da comenda da Ordem da Luz dos Pinhais da Prefeitura de Curitiba, das mãos do prefeito Rafael Greca. A cerimônia será ainda nesta quarta-feira (3).

Visita de Temer a Araucária

No início da manhã, Michel Temer esteve na Prefeitura de Araucária. Ao lado do prefeito Hissam Hussein Dehaini e da vice Hilda Lukalski Seima, o ex-presidente conversou com autoridades.

Entretanto, o clima pacífico e hospitaleiro se restringiu apenas ao lado de dentro da Prefeitura. Em frente a sede do governo, manifestantes da Sindipetro repudiaram as atitudes do ex-presidente e gritaram palavras de ordem.

Entre os pontos do manifesto, os populares culparam Temer pela alta nos preços do combustível e do gás de cozinha. “Temer culpado, criador da PPI (Paridade de Preço de Importação) de combustíveis”, explanou um dos líderes do protesto.

Ainda segundo os manifestantes, a política que é continuada por Bolsonaro, teve início em 2016 com a PPI. “Era para a gasolina ser vendida a R$ 4,86, mas hoje estamos pagando quase R$ 7”, comentou um integrante da Sindipetro.

Veja imagens da visita de Temer a Araucária: