Política

Pesquisa presidencial aponta Lula com 45% das intenções de voto e Bolsonaro com 31%, diz Genial/Quaest

De acordo com o levantamento, Lula tem percentual superior ao da soma de todos os seus adversários

Reuters
Reuters
Pesquisa presidencial aponta Lula com 45% das intenções de voto e Bolsonaro com 31%, diz Genial/Quaest
(Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil)

6 de julho de 2022 - 08:20 - Atualizado em 8 de julho de 2022 - 14:12

Confira tudo sobre as Eleições 2022

RIO DE JANEIRO (Reuters) – O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) aparece na liderança da corrida ao Palácio do Planalto na eleição de outubro, com 45% da preferência do eleitorado em simulação de primeiro turno, contra 31% do presidente Jair Bolsonaro (PL), mostrou uma pesquisa Genial/Quaest divulgada nesta quarta-feira (6).

Esse resultado daria ao petista a vitória já no primeiro turno em 2 de outubro, de acordo com o levantamento, uma vez que Lula tem percentual superior ao da soma de seus adversários.

Pesquisa eleitoral nacional

Lula oscilou 1 ponto para baixo em relação ao mês passado, enquanto Bolsonaro oscilou 1 ponto para cima, o que fez a diferença entre os dois candidatos recuar de 16 para 14 pontos neste mês. A margem de erro do levantamento é de 2 pontos percentuais.

De acordo com o levantamento, Ciro Gomes (PDT) aparece em terceiro, com 6%. A seguir vêm o deputado federal André Janones (Avante-MG) e a senadora Simone Tebet (MDB-MS), com 2% cada, e o palestrante Pablo Marçal (Pros), que ficou com 1%. Veja os números:

  • Lula – 45%
  • Jair Bolsonaro – 31%
  • Ciro Gomes – 6%
  • André Janones – 2%
  • Simone Tebet – 2%
  • Pablo Marçal – 1%

Panorama do 2º turno

Caso seja necessária uma segunda rodada de votação, que ocorreria em 30 de outubro, Lula venceria Bolsonaro por 53% a 34%, apontou o levantamento do instituto Quaest encomendado pela Genial Investimentos. No mês passado, a vantagem de Lula era maior, com 54% a 32%.

O petista também venceria um eventual segundo turno contra Ciro –52% a 25%– e um duelo com Tebet –55% a 20%–, apontou a pesquisa.

Bolsonaro tem avaliação negativa

O levantamento também apontou que a avaliação negativa do governo de Bolsonaro está em 47%, no mesmo patamar do mês passado, ao passo que o percentual dos que avaliam o governo de forma positiva oscilou de 25% para 26% e aqueles que veem o governo como regular somam 25%, contra 26% na sondagem anterior.

O instituto Quaest ouviu 2.000 pessoas de forma presencial entre os dias 29 de junho e 2 de julho.

Por Pedro Fonseca

Durante nossa cobertura das eleições 2022, o grupo RIC vai divulgar todas as pesquisas estaduais e nacionais sobre a corrida eleitoral. É importante deixar claro que a metodologia de cada levantamento é de responsabilidade dos institutos. Por isso, às vezes, um resultado é diferente do outro.

WhatsApp

Receba no seu celular tudo o que é mais importante
nas Eleições 2022.

Entre no grupoAo entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.