Política

Entidades do setor produtivo emitem nota de reconhecimento ao presidente do TJ-PR

Durante a conversa entre o G7 e o presidente do TJ-PR, os presentes discutiram a o reajuste dos valores das custas judiciais no Paraná

Entidades do setor produtivo emitem nota de reconhecimento ao presidente do TJ-PR
(Foto: Agência de Notícias UEL)

16 de dezembro de 2021 - 11:07 - Atualizado em 16 de dezembro de 2021 - 11:08

Após uma reunião realizada nesta quarta-feira (15), o grupo do setor produtivo paranaense G7 – composto pelas entidades Fecomércio/PR, FIEP, FAEP, Faciap, Fetranspar, Ocepar e ACP – emitiu uma nota de reconhecimento ao trabalho desenvolvido pelo Tribunal de Justiça do Estado do Paraná. O encontro foi realizado com o presidente do TJ-PR, o desembargador José Laurindo de Souza Neto.

Durante a conversa, os presentes discutiram a o reajuste dos valores das custas judiciais, com a intenção de aproximar os valores praticados no Paraná de estados como São Paulo e Santa Catarina. Sobre isso, as entidades afirmaram que estão dispostas a dialogar sobre qualquer assunto que “repercuta nos setores produtivos da sociedade como um todo”.

“A reunião realizada na presidência do Tribunal de Justiça no dia de hoje é a prova mais recente do equilíbrio e diálogo existentes em nosso Estado. Por isso, nosso reiterado reconhecimento ao Tribunal de Justiça do Estado do Paraná, na pessoa de seu presidente, desembargador José Laurindo de Souza Neto, pelos relevantes e essenciais serviços prestados ao Paraná e aos paranaenses”,

dizia a nota de reconhecimento.

O manifesto foi assinado por presidentes e vice-presidentes das entidades do G7 e pelo presidente do grupo, Fernando Moraes.