Notícias

Dilma fala sobre dieta após perder 13 quilos

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

23 de fevereiro de 2015 - 00:00 - Atualizado em 23 de fevereiro de 2015 - 00:00

Pelo menos 13 quilos mais magra desde que começou a dieta Ravenna, a presidente Dilma Rousseff deu a receita do que está fazendo para perder peso. “A gente faz duas coisas: a gente fecha um pouquinho a boca e faz um pouco também de ginástica”, ensinou a presidente.

Veja também: 7 receitas deliciosas sem glúten e sem lactose 

No período da campanha eleitoral, Dilma evitou se preocupar com restrições alimentares, já que estava totalmente focada na campanha. Com o fim das eleições, a presidente seguiu o conselho da ministra-chefe da Secretaria de Política para Mulheres, Eleonora Menicucci, que emagreceu 17 quilos adotando o método criado pelo médico e psicanalista argentino Máximo Ravenna.

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, também está seguindo o cardápio, assim como a titular do Ministério da Agricultura, Kátia Abreu, e Miriam Belchior, atual presidente da Caixa Econômica.

No café da manhã com jornalistas, no final do ano passado, a presidente Dilma já havia avisado que não podia comer nada porque estava de dieta. Naquela época, já havia perdido mais de cinco quilos. O cardápio prevê uma limitação de 800 a 1,2 mil calorias por dia e exclui arroz, pães e açúcares, nem mesmo os integrais. Na posse, em primeiro de janeiro, Dilma já havia perdido seis quilos. Além da dieta, a presidente Dilma está caminhando diariamente.