Política

Calendário: confira as principais datas para as eleições de 2022

O Ministério Público Federal (MPF) estabeleceu um calendário eleitoral com as datas importantes que antecedem este evento; confira!

Mônica
Mônica Ferreira / Produtor Jr com informações do Ministério Público Federal (MPF) e supervisão de Daniela Borsuk
Calendário: confira as principais datas para as eleições de 2022
(Foto: Reuters/ Rodolfo Buhrer)

28 de julho de 2022 - 06:00 - Atualizado em 28 de julho de 2022 - 15:46

Confira tudo sobre as Eleições 2022

Com as eleições gerais de 2022, o Ministério Público Federal (MPF) estabeleceu um calendário eleitoral com as datas importantes que antecedem este evento. Neste ano, as eleições estão marcadas para acontecer no dia 2 de outubro, com o primeiro turno, e no dia 30 de outubro, com o segundo turno, se houver.

Na última quarta-feira (20) começaram as convenções partidárias – que tem como objetivo estruturar e oficializar os candidatos que vão disputar os cargos políticos. Esta ação vai até o dia 5 de agosto, conforme determinado pelo MPF.

De acordo com o calendário, após essa etapa, os partidos têm até o dia 15 de agosto para registrar os candidatos na Legislação. No dia 16 de agosto começa a etapa de propaganda eleitoral. Neste período oficial de propaganda, os candidatos podem impulsionar conteúdos através das redes sociais.

O MPF alerta que a lista de condutas proibidas inclui o uso de robôs para disparos automáticos contendo desinformação e mentiras em prejuízo de adversários ou em benefício de candidatos, assim como outdoors e showmícios, presenciais ou virtuais.

“Essas práticas podem interferir no resultado da eleição e levar o MP Eleitoral a pedir a cassação do candidato, a aplicação de multa ou a imposição de sanção de inelegibilidade”

afirma o MPF.

No dia 26 de agosto é o início da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na TV.

Confira o calendário eleitoral:

Setembro

  • 12 de setembro: fim dos prazos para os Tribunais julgarem os registros das candidaturas.
  • 12 de setembro: último dia para pedir a substituição de candidatos.
  • 12 de setembro: fim do prazo para que os sistemas eleitorais e programas de verificação sejam lacrados, mediante a assinatura eletrônica e guarda das mídias do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
  • 9 a 13 de setembro: prestação de contas parcial de campanha.
  • 15 de setembro: divulgação na internet das prestações de contas parciais de campanha.
  • 29 de setembro: fim da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na TV. 

Outubro

  • 1º de outubro: fim da propaganda eleitoral.
  • 2 de outubro: 1º turno das eleições.
  • 3 de outubro: início da propaganda eleitoral para o  2º turno das eleições.
  • 7 de outubro: início da propaganda eleitoral gratuita na rádio e na TV para o 2º turno das eleições.
  • 28 de outubro: fim da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na TV para o 2º turno das eleições.
  • 29 de outubro: fim da propaganda eleitoral para o 2º turno das eleições.
  • 30 de outubro: 2º turno das eleições.

Novembro

  • 1º de novembro: fim do prazo para envio das prestações de contas relativas ao 1º turno das eleições.
  • 4 de novembro: último dia em que os feitos eleitorais terão prioridades para a participação do Ministério Público (MP).
  • 19 de novembro: fim dos prazos para o envio das prestações de contas relativas aos dois turnos das eleições.

Dezembro

  • 1º de dezembro: último dia para o eleitor que deixou de votar no primeiro turno das eleições apresentar justificativa fundamentada à Justiça Eleitoral.
  • 15 de dezembro: último dia para a publicação da decisão que julga as contas dos candidatos eleitos.
  • 19 de dezembro: último dia para a diplomação dos eleitos.

Janeiro de 2023

  • 1º de janeiro: posse dos eleitos para os cargos de governador, presidente da república e vice.
  • 5 de dezembro: último dia para as entidades fiscalizadoras solicitarem, em pedido fundamentado, a verificação extraordinária após-pleito da integridade e autenticidade dos sistemas eleitorais.
  • 9 de dezembro: último dia para o eleitor que deixou de votar no segundo turno da eleição apresentar justificativa ao juízo eleitoral.

Fevereiro de 2023

  • 1º de fevereiro: Posse dos eleitos para os cargos de deputado distrital, estadual e federal e de senador.
WhatsApp

Receba no seu celular tudo o que é mais importante
nas Eleições 2022.

Entre no grupoAo entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.