Política

Bolsonaro nomeia secretária da Economia Daniella Marques para lugar de Guimarães na Caixa

Pedro Guimarães renunciou ao cargo depois de ser acusado por funcionárias da Caixa de assédio sexual

Reuters
Reuters
Bolsonaro nomeia secretária da Economia Daniella Marques para lugar de Guimarães na Caixa
Prédio de agência da Caixa no Rio de Janeiro

29 de junho de 2022 - 18:49 - Atualizado em 29 de junho de 2022 - 23:04

BRASÍLIA (Reuters) – O presidente Jair Bolsonaro nomeou a secretária especial de Produtividade e Competitividade do Ministério da Economia, Daniella Marques, para a presidência da Caixa Econômica Federal, após renúncia de Pedro Guimarães em meio a um escândalo em que é acusado de assédio sexual.

A nomeação, que consta em edição extra do Diário Oficial da União desta quarta-feira, e a renúncia de Guimarães confirmam reportagem da Reuters de mais cedo.

Considerada braço direito do ministro da Economia, Paulo Guedes, Marques é formada em Administração pela Pontifícia Universidade Católica (PUC) do Rio de Janeiro e tem MBA em Finanças pelo IBMEC/RJ. Ela atuou por 20 anos no mercado financeiro e foi sócia e diretora de fundos de investimento antes de assumir as funções no governo.

(Reportagem de Maria Carolina Marcello)