Notícias

Velocidade excessiva foi causa principal do acidente de Tiger Woods, diz polícia

Reuters
Reuters
Velocidade excessiva foi causa principal do acidente de Tiger Woods, diz polícia
Carro de Tiger Woods é rebocado após acidente em Los Angeles

7 de abril de 2021 - 15:28 - Atualizado em 7 de abril de 2021 - 15:31

Por Sharon Bernstein e Maria Caspani

(Reuters) – Velocidade excessiva foi a principal causa de um acidente de carro em fevereiro envolvendo o jogador de golfe Tiger Woods, informou o Departamento do Xerife de Los Angeles, nesta quarta-feira.

Ao passar por um trecho notoriamente perigoso da estrada na comunidade de Rolling Hills Estates, em Los Angeles, o carro de Woods atingiu velocidades de 135 a 140 quilômetros por hora quando o golfista perdeu o controle, disse o capitão James Powers, do Departamento do Xerife de Los Angeles, em entrevista coletiva.

O veículo estava a 120 quilômetros por hora quando bateu em uma árvore, disse.

A chamada “caixa preta” do carro mostrou que Woods nunca pisou no freio durante o incidente, em vez disso, apertou o acelerador, indicando que ele pode ter se confundido os pedais e pisado no acelerador em vez do freio ao tentar controlar o carro, disse James.

(Por Sharon Bernstein e Maria Caspani)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH361HA-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.