Notícias

Veja como está sendo o 13º dia de buscas de desaparecidos em Brumadinho

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

6 de fevereiro de 2019 - 00:00 - Atualizado em 6 de fevereiro de 2019 - 00:00

194 ainda não foram localizadas (Foto: Corpo de Bombeiros de Minas Gerais)

Cerca de 380 homens deram início aos trabalhos no 13º dia de buscas na região onde uma barragem da mineradora Vale se rompeu, em Brumadinho, em Minas Gerais

Cerca de 380 homens deram início aos trabalhos no 13º dia de buscas na região onde uma barragem da mineradora Vale se rompeu, em Brumadinho, em Minas Gerais, no último dia 25 de janeiro. De acordo com o Corpo de Bombeiros Militar do estado, as equipes ainda contam com o auxílio de 21 máquinas pesadas e quatro caminhões.

142 mortos

O último balanço da Defesa Civil de Minas Gerais aponta 142 mortos na tragédia, sendo que 122 já foram identificados. Três pessoas permanecem hospitalizadas e 194 ainda não foram localizadas – entre funcionários da Vale, terceirizados que prestavam serviços à mineradora e membros da comunidade. Há também 103 desabrigados.

Libertação de presos

Nesta terça-feira (5), o Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu pela libertação de cinco pessoas presas no dia 29 de janeiro, acusadas de envolvimento no rompimento da barragem. Entre elas estão engenheiros, geólogos e outros técnicos da Vale e da empresa que assinou laudo assegurando as condições de segurança da barragem.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.