Agronegócio

Veículos aéreos não tripulados usados para agricultura de precisão

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

26 de setembro de 2013 - 00:00 - Atualizado em 26 de setembro de 2013 - 00:00

Pesquisadores do Departamento de Engenharia de Biossitemas (LEB) da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq) da USP, em Piracicaba, estão testando a utilização de veículos aéreos não tripulados (VANTs) na captação de imagens para estudos sobre agricultura de precisão.

Com a utilização desse equipamento voando a uma altitude de 300 m, limite máximo de altura autorizado para voo não tripulado, é possível captar imagens de uma área de seis hectares. (Sou Agro)

Soja

A produção de soja no Brasil deverá aumentar em 8,2% nesta safra, com previsão de novo recorde com 88 milhões de toneladas. Este potencial agrícola poderia ser ainda maior, não fossem as falhas no manejo sustentável da cultura, com base num planejamento a longo prazo.

Para o pesquisadores da Embrapa, a produção brasileira de soja poderia chegar a 130 milhões de toneladas com o adequado uso da tecnologia associado ao manejo mais eficiente da lavoura. (DCI)

Trigo

O movimento de alta nas cotações de trigo tem perdido a força no mercado brasileiro. Em algumas regiões acompanhadas pelo Cepea, os preços do cereal chegaram a recuar em sete dias.

Segundo pesquisadores do Cepea, com o avanço da colheita no Paraná, alguns poucos lotes de produto de melhor qualidade têm chegado ao mercado, intensificando as negociações.

Moinhos mostram interesse em seguir com as compras de países fora do Mercosul, mesmo sendo período de colheita no Brasil. (Cepea)

Mato Grosso

Os produtores mato-grossenses são conhecidos pela eficiência e vocação em produzir sustentavelmente e de forma economicamente viável.

No estado já se faz até três safras em um mesmo ano, isso porque alguns produtores antecipam o plantio, com auxílio do pivô, quando pode se irrigar a safra.

Com esse recurso, alguns produtores iniciaram o plantio sem necessariamente contar com a chuva, que é esperada por grande parte dos que não dispõem da tecnologia. Atualmente o plantio ainda é tímido, já que ainda não choveu o suficiente em Mato Grosso.

Máquinas 

Com agricultores cada vez mais abertos ao uso de novas tecnologias no campo e, claro, interessados em reduzir custos e ampliar a produtividade, a comercialização de máquinas agrícolas continua a crescer e a se destacar no mercado.

Espera-se que 2013 bata novos recordes de vendas com o lançamento de máquinas modernas e mais eficientes, aliado à necessidade de renovação da frota.

As vendas de colheitadeiras somam 4.992 unidades até agosto, segundo dados da Anfavea, e John Deere anuncia investimento de US$ 13 milhões na ampliação de instalações.

Para assistir às matérias do RIC Rural, clique aqui.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.