Notícias

Um dia após a posse, Rafael Greca volta para o hospital

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

2 de janeiro de 2017 - 00:00 - Atualizado em 2 de janeiro de 2017 - 00:00

Foto Guilherme Artigas, Foto Arena, Estadão Conteúdo

Foi diagnosticada tromboembolia pulmonar, coágulo de sangue que se aloja em vasos sem lesão para o pulmão

Menos de 24 horas depois de tomar posse, o novo prefeito de Curitiba, Rafael Greca, de 60 anos, voltou a passar mal e foi internado nesta segunda-feira (2) no Hospital Marcelino Champagnat. Em nota, a assessoria informou que “em exames complementares, foi diagnosticada tromboembolia pulmonar, presença de um coágulo de sangue que se aloja em vasos sem lesão para o pulmão”.

Ele prossegue em observação durante 24 horas e deverá receber alta em até dois ou três dias, não sendo necessária a transferência do cargo ao vice-prefeito, Eduardo Pimentel. 

O prefeito chegou ao hospital reclamando de falta de ar, como ocorreu no sábado, mas seu quadro de saúde é estável. 

A equipe médica que atende Greca optou por mantê-lo no hospital para ministrar medicação apropriada até que o quadro clínico volte ao normal, mas o prefeito já estaria até mesmo trabalhando do seu quarto.

Greca já havia sido internado no fim do ano, após se sentir indisposto e ter sido encaminhado a uma clínica para realizar exames. Durante a posse, em seu discurso, o prefeito chegou a brincar com a internação na véspera e disse que estava bem de saúde. “Meu coração está bem, tiraram até fotografia dele”, brincou.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.