Notícias

STF decide hoje se ex-deputado Carli Filho vai a júri popular

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

11 de maio de 2017 - 00:00 - Atualizado em 11 de maio de 2017 - 00:00

Após o acidente, Carli Filho renunciou ao mandato de deputado estadual (Foto: Reprodução)

Caso completou oito anos no dia 7 de maio e famílias das vítimas ainda esperam por Justiça

O Supremo Tribunal Federal (STF) decide nesta quinta-feira (11) se o ex-deputado estadual Luiz Fernando Ribas Carli Filho será submetido a júri popular no processo em que responde pela morte de dois jovens em um grave acidente de trânsito, provocado por ele, em 2009. Carli Filho dirigia embriagado quando bateu contra o carro onde estavam Carlos Murilo de Almeida e Gilmar Rafael Souza Yared, filho da deputada federal Christiane Yared.

O primeiro ministro a votar a questão no STF será Gilmar Mendes, relator do caso.

Carli Filho deveria ter sido julgado pelo Tribunal do Júri em janeiro de 2016, mas seus advogados de defesa conseguiram um habeas corpus e o júri foi suspenso liminarmente pelo ministro Ricardo Lewandowski.

Após a liminar de Lewandowski, Christiane Yared chegou a se reunir em Curitiba com o ministro, que na época presidia o STF.

Acidente provocado por Carli Filho causou comoção

Na noite do dia 7 de maio de 2009, o então deputado estadual Carli Filho provocou um gravíssimo acidente de trânsito no bairro Mossunguê, em Curitiba, que matou Gilmar Yared, de 26 anos, e Murilo de Almeida, de 20. Um parecer do Instituto de Criminalística apontou que o ex-deputado dirigia a uma velocidade entre 161 km/h e 173 km/h no momento do acidente. A acusação também afirma que ele estava embriagado e com a carteira de motorista suspensa. Depois do episódio, Carli Filho renunciou ao mandato.

Por envolver um deputado, o caso teve repercussão nacional e gerou comoção. Os carro do ex-parlamentar praticamente “decolou” e passou por cima do veículo das vítimas, arrancando o teto do automóvel. Os dois jovens morreram na hora.

No último dia 7 o caso completou oito anos e o programa Balanço Geral fez uma reportagem especial relembrando o caso. O vídeo contém várias imagens do acidente. Confira:

 

Veja também: Em vídeo, Carli Filho pede desculpa às famílias das vítimas

 

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.