Inova Mais

Startups do Sudoeste do Paraná são selecionadas pelo InovAtiva Brasil

Duas empresas de Pato Branco estão entre as 15 startups selecionadas para o ciclo 2020.1 do programa de aceleração

Angelo
Angelo Binder conteúdo Comando News com assessoria
Startups do Sudoeste do Paraná são selecionadas pelo InovAtiva Brasil
Legenda da foto: Leonel Inocencio, Esmael Somenzi e Eduardo Minozzo são sócios na Voraz Tecnologia, de Pato Branco (crédito - Wellynton Pizato)

29 de abril de 2020 - 00:00 - Atualizado em 29 de abril de 2020 - 00:00

Empresas estabelecidas, desenvolvendo soluções inovadoras em produtos ou serviços, em estágio de operação e tração, com as primeiras vendas já realizadas ou uma crescente base de usuários, e que estejam em busca de conexão com o mercado e investidores. Esses foram os critérios utilizados pelo InovAtiva Brasil para selecionar as 137 soluções que farão parte do ciclo de aceleração 2020.1 do maior programa de aceleração de startups da América Latina. Do Paraná, 15 empresas foram selecionadas, duas de Pato Branco: Cash Local e Voraz Tecnologia.

“Ao todo, recebemos 694 inscrições de startups de todos os estados brasileiros para o primeiro ciclo de 2020. Isso mostra como o empreendedorismo vem evoluindo em todo o país, corroborando com nossa premissa de fazer com que o Brasil seja reconhecido por seu ecossistema de inovação”, afirma Gustavo Ene, Secretário de Desenvolvimento da Indústria, Comércio, Serviços e Inovação da Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia.

Nos próximos quatro meses, as startups selecionadas passarão por um processo de aceleração online, que inclui mentorias individuais, coletivas e especializadas; treinamento de apresentações; atividades digitais; e o acesso a webinars instrutivos. Ao final desta capacitação, essas empresas serão convidadas a participar do InovAtiva Experience, evento de encerramento do ciclo no qual os empreendedores têm a oportunidade de apresentar seus negócios para uma banca de investidores, grandes empresas e aceleradoras.

O Paraná foi o segundo estado em inscrições e classificou 15 startups. A consultora do Sebrae/PR, Marcela Milano, destaque que a participação no programa pode ajudar as startups a alcançarem novos patamares.

“Além de on-line e gratuito, o programa conta uma rede de mentores muito experimentada. Será importante para as startups melhorarem seus modelos de negócio e fortalecerem suas redes de contato. E mais uma motivação para enfrentarem a crise decorrente da Covid-19”, antecipa Marcela.

Legenda da foto: Marcio Léo Danielewicz, fundador da Central de Materiais, startup de Campo Largo (crédito – Sérgio Dutra)

A Central de Materiais, de Campo Largo, está entre as startups selecionadas e desenvolveu um market place de economia circular para reuso e reciclagem de materiais, sobras, estoque e equipamentos para indústrias. Marcio Léo Danielewicz, proprietário, explica que a empresa migrou há dois anos para o segmento online, com ajuda do Sebrae/PR, e que espera melhorar o modelo de negócio.

“O InovAtiva Brasil é um programa robusto e permite ainda a troca de informações e experiências no ambiente de inovação, o que é bem importante. Queremos aproveitar as capacitações e melhorar a nossa plataforma”, adianta Danielewicz.

De Pato Branco, segunda cidade com mais startups selecionadas no Paraná (atrás de Curitiba, dez), a Voraz Tecnologia também estará no ciclo 2020.1 do InovAtiva Brasil.

Leonel Biedermann Inocencio, sócio da empresa que fornece ferramentas para acelerar as vendas das indústrias do agronegócio, acredita que a participação dará mais visibilidade à startup.

“Para vender, é preciso ser visto. Nosso maior objetivo é conseguir aumentar a rede de contatos, compartilhar experiências, aprender com os mentores e também ampliar o leque de parceiros”, salienta Inocencio.

Do Paraná, foram selecionadas dez startups de Curitiba: Cargon Denny Mews, EI Tools, Eion Veículos Elétricos, Hopsis, NextCam, Nordware, Pede Logo, SafetyTec, Sunlabs e TruggHub. Também foram selecionadas: Vertron, de Londrina; Cash Local e Voraz Tecnologia, de Pato Branco; Central de Materiais, de Campo Largo; e Manfing, de Toledo.

A lista com todas as empresas selecionadas está disponível no site do programa https://www.inovativabrasil.com.br/aprovadas2020-1/

Sobre as selecionadas

Representando 21 estados brasileiros, essas startups estão situadas principalmente na região Sul (38,7%). Funcionando no modelo de negócios SaaS [sigla em Inglês para software como serviço] (44%), essas empresas já receberam algum tipo de investimento (53%). Além disso, mais de 50% dos projetos atuam com grandes empresas como fornecedores ou participando de programas de inovação aberta.

Sobre o InovAtiva Brasil

O InovAtiva Brasil é um programa gratuito para aceleração de negócios inovadores de qualquer setor e região do Brasil, realizado pelo Ministério da Economia e pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), com execução da Fundação Centros de Referência em Tecnologias Inovadoras (CERTI). O programa oferece mentorias, visibilidade às startups e conexão com investidores, grandes empresas e parceiros. Entre 2013 e 2019, mais de 2000 startups de todas as regiões do Brasil participaram do programa e mais de 1000 delas chegaram à fase de apresentar suas soluções em bancas presenciais com investidores.