Notícias

‘Spectrum’: PF cumpre 18 mandados contra lavagem de dinheiro

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

22 de novembro de 2018 - 00:00 - Atualizado em 22 de novembro de 2018 - 00:00

Batizada de ‘Sem Saída’, a ação ocorre no Paraná e no Mato Grosso (Foto: Divulgação/PF)

De acordo com a PF, a operação deve apreender, aproximadamente, R$ 100 milhões

A Polícia Federal (PF) cumpre 18 mandados judiciais em um desdobramento da operação ‘Spectrum’ na manhã desta quinta-feira (22). Batizada de ‘Sem Saída’, a ação ocorre no Paraná e no Mato Grosso.

Operação ‘Sem Spectrum’

São dois mandados de prisão preventiva, dois de prisão temporária e 14 de busca e apreensão. Os crimes investigados são organização criminosa, lavagem de dinheiro, associação para o tráfico internacional de drogas e contra o Sistema Financeiro Nacional, segundo a PF.

As ordens judiciais são cumpridas na capital paranaense e nas seguintes cidades do Mato Grosso: Brasnorte, Tapurah, Juara, Nova Maringá e Cuiabá. Todos devem ser encaminhados para a Superintendência da PF, em Curitiba.

De acordo com a PF, a operação deve apreender, aproximadamente, R$ 100 milhões.

Maior traficante da América do Sul preso pela PF

A operação Spectrum, em julho de 2017, prendeu Luiz Carlos da Rocha -conhecido como Cabeça Branca-, um dos maiores traficantes da América do Sul. Ele foi procurado por 30 anos pela PF e pela Interpol. Para despistar os agentes, ‘Cabeça Branca’ realizou diversas cirurgias plásticas no rosto.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.