Notícias

Serraglio vai assumir Ministério da Transparência; Loures mantém foro

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

28 de maio de 2017 - 00:00 - Atualizado em 28 de maio de 2017 - 00:00

Osmar Serraglio será substituído por Torquato Jardim no Ministério da Justiça (Foto: Dida Sampaio/Estadão Conteúdo)

A manobra política de manter Serraglio como ministro garante a Rocha Loures o benefício de foro privilegiado

Demitido neste domingo (28) do Ministério da Justiça, Osmar Serraglio vai assumir o Ministério da Transparência. A pasta ficou vaga com a transferência de Torquato Jardim para a Justiça. Ao manter Serraglio como ministro, o presidente Michel Temer garante que o deputado afastado Rocha Loures (PMDB-PR) continue com prerrogativa de foro. Ex-assessor de Temer, Loures ameaça fazer delação premiada. Ele é investigado pelo STF acusado de receber propina de Joesley Batista, dono do grupo J&F.

Loures pegou o dinheiro com um emissário de Joesley. O empresário chegou a ele por indicação do presidente Temer. Em conversa gravada por Joesley, o presidente Temer cita Loures como alguém que poderia resolver as demandas de empresas do grupo J&F no Cade. Temer nega que tenha avalizado qualquer recebimento de propina.

Partiu da bancada do PMDB na Câmara o pedido para que Serraglio fosse transferido para a pasta da Transparência. É esse ministério que faz os acordos de leniência com empresas investigadas pela Lava Jato. Se Serraglio não aceitasse o ministério a outra opção seria voltar para a Câmara. Neste caso, como é suplente de Loures, tiraria o deputado do mandato.

Veja também

Operação Poço Seco: ex-gerente da Petrobras e ex-banqueiro são presos

Senado aprova Medida Provisória que permite saques do FGTS

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.