Segurança

Vídeo: trem arrasta carro e deixa três feridos, em Curitiba

Os ocupantes foram encaminhados ao hospital e felizmente não correm risco de morte

Renata
Renata Nicolli Nasrala / Editora
Vídeo: trem arrasta carro e deixa três feridos, em Curitiba
Foto: Diogo Cordeiro, da RIC Record TV

16 de outubro de 2020 - 07:43 - Atualizado em 16 de outubro de 2020 - 15:07

Na noite desta quinta-feira (15), um trem arrastou um carro em um grave acidente no bairro Cajuru, em Curitiba. Com o impacto da batida, três pessoas ficaram feridas.

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, o acidente aconteceu na rua Sebastião Luiz Marques, local de frequentes colisões do mesmo gênero.

Trem arrasta carro e é liberado após equipe da concessionária prestar suporte

O trem acertou em cheio um veículo Gol, que ficou completamente destruído após o impacto.

Conforme os ocupantes do automóvel, eles não escutaram nenhum barulho e passaram despercebidos pelo aviso que indicava a aproximação do trem pois dentro do carro o som estava alto.

Os ocupantes foram encaminhados ao hospital e felizmente não correm risco de morte.

Veja o vídeo da batida abaixo:

Empresa relata imprudência do motorista

Em nota, a empresa Rumo informou que o acidente aconteceu por causa da imprudência do motorista. Confira o posicionamento:

Em relação ao abalroamento registrado na noite desta quinta-feira (15), às 20h48, em Curitiba, o fato ocorreu por imprudência do motorista que tentou atravessar a passagem em nível quando o trem se aproximava. O maquinista acionou os procedimentos de emergência, mas não possível parar a tempo devido ao peso e tamanho da composição. Conforme as leis do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), a linha férrea é sempre preferencial. É obrigatório que os veículos parem em uma distância segura e se certifiquem de que não há trens se aproximando antes de efetuar o cruzamento. Atravessar uma passagem em nível sem antes parar é infração gravíssima. Todas as ocorrências são registradas e há acompanhamento em tempo real por parte do CCO (Centro de Controle Operacional) da Rumo, dessa forma, a equipe da concessionária esteve no local e prestou suporte às equipes de atendimento, liberando o trem para retomar a circulação às 21h. Além disso, a empresa realiza campanhas de segurança frequentemente para alertar sobre os cuidados com o trem.